I love Vik Muniz. He's from my homeland, his art is amazing and he works with discarded items – yep, trash!  So I was so happy to hear that he made it into a list of the top 10 artists in the world, compiled by Artsy (a site I love dearly). 

Although it is not concerned with politics - something Vik claims to have no interest in  - his art carries strong messages about how we use the resources available to us. His art has often made me think about consumerism, waste and recycling. In many ways, Vik can be seen as a green spokesman within the art world, showing us that trash has its value. 


After all, "one man's trash is another man's treasure". 


O artista está no top 10 do mundo da arte!

Eu amo o Vik Muniz! Ele é da minha terra natal, sua arte é incrível e ele trabalha com itens descartados - sim, o lixo. Por isso fiquei feliz de saber que ele foi votado um dos top 10 artistas do mundo da arte pelo Artsy (um site que eu amo muito, aliás).

Apesar de sua arteanão ser político - algo em que Vik diz não acreditar - ela traz consigo uma forte mensagem social sobre os recursos disponíveis para nós - e como podemos usá-los. Sua obras muitas vezes me fez pensar sobre o consumo, o desperdício e reaproveitamento. Em alguns sentidos, Vik pode ser visto um dos mensageiros verdes dentro do mundo da arte, mostrando-nos que o lixo tem o seu valor sim!

E assim vai o ditado: "o lixo de um homem é o tesouro de outro".



Comment